24 de agosto de 2009

E se eu disser 'não'?

Imagem de Destaque

Alguns rapazes acham que ser virgem é embaraçoso

Isso depende de que tipo de garota ela é. Uma jovem mulher me contou que chorou quando seu namorado disse que queria parar de fazer coisas sexuais, porque ela pensava que ele estava terminando o namoro. Mas então, ela disse: "Ele me assegurou que esse não era o caso, e que ele ainda me amava e queria me amar pela minha personalidade e não só pelo meu corpo. Eu fiquei maravilhada com isso".

É surpreendentemente raro para uma mulher menosprezar um rapaz que quer guardar a inocência do relacionamento. Para testar isso, eu perguntei a mil jovens mulheres em minha pesquisa a seguinte questão: "Se você está indo longe demais com um rapaz, e ele lhe dá um beijo na testa e diz: 'Eu acho que precisamos ir devagar, eu respeito demais você para fazer tudo isso com você, e eu quero me apaixonar por você pelos motivos certos', você o acharia mais ou menos atraente por isso?".

Quase 100 por cento das garotas – 995 – disseram que achariam o rapaz mais atraente. Uma garota disse que isso era "porque ela estaria pensando em nós [os dois] e não somente nele". Outra garota disse: "Eu não vou mentir. No primeiro momento eu ficaria pensando: 'O quê? Que tipo de homem diz isso?' Mas depois naquela noite eu pensaria: 'Eu realmente gosto desse rapaz'".

Eu fiz uma última pergunta para essas jovens: "Alguns rapazes acham que ser virgem é embaraçoso. Como você se sentiria se um rapaz guardasse sua virgindade para você, sua noiva?". De novo, as respostas, na esmagadora maioria, indicam a atratividade da pureza. Aqui estão algumas das respostas dadas por elas:

- "Esse é o tipo de rapaz que eu tenho que pegar antes que o resto das bilhões de garotas pegue!"

- "Pare de se preocupar sobre o que os outros vão dizer. Significa tanto que você espere!".

- "Isso é atraente!".

- "Está tudo bem em ser virgem. Na verdade, a maioria das garotas prefere assim".

- "É preciso muita força de vontade para permanecer virgem, e eu amo rapazes assim, que não se importam com o que as pessoas dizem".

- "Ele é mais homem que muitos outros rapazes"

- "Eles não deviam ficar envergonhados, pois eu não estou".

- "Essa noiva é uma sortuda".

- "Muitas garotas como eu acham estranho quando um cara fica com medo de ser virgem. Ele devia se orgulhar!".

- Eu me sentiria uma princesa, porque é assim que eu quero me sentir na noite do meu casamento".

- "Eu ia querer ficar mais perto dele!"

- "Essa é a coisa mais linda que um homem pode dar à sua noiva. Isso resume a essência do que é ser um homem, com uma só escolha. Ele prometeu à sua noiva sua vida inteira, inclusive seu corpo".

- "Ele pode te respeitar mais se pode respeitar a si mesmo".

Quase todas as garotas – 996 – disseram que se sentiriam amadas, honradas e mais atraídas a um rapaz assim. Das 4 que sobraram, uma expressou descrença que possa existir alguém assim, e as outras três foram indiferentes, dizendo coisas como: "Eu não o amaria mais nem menos se ele não fosse virgem".

Toda garota deseja saber que é querida, desejada, amada e que merece ser protegida. Quando uma garota chega à universidade, muitas vezes, ela já perdeu a esperança por causa das coisas que ela viu (ou fez). Ela pode aceitar os "ficar" ou as relações casuais, mas no fundo de seu coração ela sonha com algo mais. Na verdade, mais mulheres do que eu posso contar chegam, para mim, nas universidades em que dou palestras e me perguntam a mesma coisa: "Todos os rapazes só estão interessados em uma coisa. Onde eu posso encontrar um homem decente?".

Imagine se você tivesse de falar para uma dessas mulheres que você não quer nada de sexual agora. Se ela abandoná-lo por você querer ser puro, então você já sabe que, para começo de história, ela nunca o amou, por isso está melhor sem ela. Mas se ela continuar ao seu lado, então vocês vão se respeitar sempre. De qualquer modo, nós temos de enfrentar nosso medo de rejeição, se é que nós queremos um dia amar de verdade.

Como essa pesquisa mostrou, a maioria das mulheres espera encontrar um homem seguro de si, capaz de autodomínio. Mesmo que você já tenha perdido sua virgindade, você ainda pode escolher recomeçar e passar a viver a virtude da pureza. Não importa o passado, nunca é tarde para se tornar o homem que você quer e deve ser.

Trecho do livro: "Pure Manhood", de Jason Evert. San Diego: Catholic Answers, 2008

Jason Evert
Postar um comentário